Treinamento Presencial x Treinamento à Distância: Qual o melhor para a sua empresa?

Tempo estimado de leitura: 5 min 30 s e 6 min 30 s

Para se ter uma empresa de sucesso, uma coisa é fundamental: a capacitação de colaboradores.

Adotar uma política focada em desenvolvimento e capacitação de pessoas faz com que elas entendam a importância de seus papéis na estrutura produtiva, dando-lhes uma motivação a mais para executar um bom trabalho!

Quanto maior a capacitação dos profissionais, maior também será a qualidade do serviço prestado a seus clientes, na ponta final do processo produtivo. Quando falamos em usar os treinamentos para melhorar o serviço, não é apenas conhecer bem sua função e o produto que você oferece, mas entender o comportamento de consumo de seus clientes e suas necessidades.

Segundo pesquisa do Panorama do Treinamento no Brasil – que está em sua 14ª edição -, a média do investimento anual de Treinamento e Desenvolvimento (T&D) por colaborador das empresas brasileiras em 2019 é de R$ 652,00, a partir da qual podemos observar uma tendência de queda do indicador nos últimos 3 anos: diminuiu 13% neste último, já que o investimento em 2017 foi de R$ 788,00. A indústria foi o setor que mais investiu e o comércio, o que menos.

Já as horas de treinamento de cada colaborador também diminuiu a média brasileira. Neste ano, é de 15 horas de treinamento por colaborador, o que representa uma queda de 17% em relação ao ano anterior. Essa tendência negativa pode ser prejudicial para os negócios, já que colaboradores menos capacitados podem não entregar serviço em todo seu potencial. 

Mas para isso existe uma solução, já que existem vários tipos de treinamentos possíveis para capacitar colaboradores tanto presencialmente quanto à distância!

 

TREINAMENTO PRESENCIAL X À DISTÂNCIA

 O treinamento presencial é mais tradicional mas tem muitas possibilidades, nele você consegue montar desde uma sala de aula com professor/palestrante até treinamentos externos de imersão.

São muito eficazes pois o colaborador fica intimamente em contato com a cultura da empresa e outros colaboradores, possibilitando uma maior socialização e criação de vínculos mais profundos. Funcionários que se conhecem tendem a trabalhar melhor juntos, tendo menos conflitos e melhorando sua comunicação.

Este método existe há muito tempo e apresenta muitos benefícios, como:

  • Interação pessoal
  • Cria o ambiente e disponibiliza os recursos certos para que “alunos” interajam com os instrutores
  • Fortalece a construção de relacionamentos entre o instrutor e o colaborador

A maior desvantagem do treinamento presencial é a falta de escalabilidade, ou seja, a capacidade de se suportar turmas maiores, com a mesma qualidade. 

Esse método exige que um instrutor esteja presente o tempo todo e pode se tornar complicado quando a turma fica muito grande. Mas se isso for um conflito, você pode fazer o seu treinamento à distância!

O treinamento à distância já era uma escolha inteligente por parte dos gestores, pois traz uma série de benefícios em relação à otimização de custos e tempo. Agora, principalmente por conta da pandemia de covid-19, a opção se revela até mais prudente e segura para preservar a saúde dos funcionários.

Mas não se engane pensando que essa inteligência é apenas uma forma de “quebrar um galho” da empresa. Muito pelo contrário: a estratégia pode superar a qualidade do treinamento presencial em muitos aspectos. Acompanhe agora algumas das principais vantagens do treinamento a distância escolhidas pelo blog “convenia”:

 

Aprimora a qualidade

A modalidade digital ajuda a melhorar a qualidade uma vez que permite explorar fatores essenciais para a empresa, como padronização de temas, de inovações no treinamento e até gamificação da aprendizagem.

É evidente neste modelo, também, a autonomia e proatividade que ele estimula no funcionário, trazendo maior responsabilidade para ele. Todos esses efeitos serão sentidos para além do objeto do treinamento em si.

 

Otimiza processos

Por meio de uma plataforma digital, você poderá avaliar o processo pedagógico e montar um plano de capacitação mais otimizado e focado nas necessidades da equipe.

Especialmente em relação ao andamento do treinamento e ao acompanhamento do desempenho de colaboradores, também é possível registrar, analisar e aprimorar os índices de exigência.

Ao fim de cada ciclo, o processo de aprendizagem será cada vez mais padronizado e aprimorado. Sem falar que, de maneira digital, atualizações e correções pontuais podem ser aplicadas de maneira muito mais rápida e prática.

 

Reduz custos

Impressão de materiais, alocação de professores, gastos com transportes de funcionários, além de custos com coffee break, água e luz. Esses são apenas alguns exemplos que estão no cotidiano de qualquer treinamento presencial.

Em uma dinâmica à distância, você elimina todas essas despesas adicionais e promove o acesso totalmente on-line. Por conta disso, terá todos os custos e encargos já embutidos no dia a dia da empresa.

 

Economiza tempo

Treinamentos presenciais sempre precisam de deslocamento, hora marcada e alocação prévia de recursos. Por outro lado, na modalidade on-line, como o próprio nome sugere, toda a estrutura está na internet e permite acesso ao colaborador a qualquer momento e de qualquer lugar.

Dessa forma, é possível utilizar períodos de baixa demanda para executar a capacitação. Então, o colaborador poderá escolher o melhor horário e focar mais no aprendizado.

Também se evita, com isso, a necessidade de alocação fora do horário de trabalho, o que pode até abrir espaço para insatisfações, bem como a exigência de horas extras para compensar o excedente no expediente.

O treinamento e a capacitação de colaboradores já são medidas comuns entre gestores de excelência. Agora, mais do que nunca, isso se torna necessário para adaptar o seu negócio aos novos comportamentos de mercado. Conte com a Gente Mais para tornar o seu sonho de treinamento uma realidade!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *